nossas escolhas podem ser bem melhores (sua mente vai te ajudar)

Ô m@r?#, foca nisso!


Já pensou gritar assim para o seu celular cada vez que você quisesse tirar uma foto? O que você acha? Iria funcionar? Tenho certeza que não. Então porque ainda falamos assim com a nossa mente? Buscamos dominar nossa mente pela força ao invés de buscar compreendê-la.


Todos os dias precisamos fazer escolhas para nossa vida, nossos projetos e negócios. Precisamos colocar em primeiro plano o que nos interessa, enquadrar um contexto para que nos seja favorável e, ao fazer isso, deixar de lado tudo que é periférico.

Não sei como é para vocês mas o meu desafio é que a minha máquina interna fica variando de funcionalidade. Vai de foco automático, ao foco rebelde, ao foco aleatório e, muitas vezes, tenho dificuldade em ligar o foco manual. Aí fica difícil fazer uma escolha consciente.





O foco automático até que funciona. É aquela escolha que vem natural, provavelmente não há nada de muito novo ali. Tem a ver com o meu modo de escovar os dentes, com que mão seguro o garfo no café da manhã e o laço do cadarço.


O foco rebelde é aquele que quando você quer focar numa cosia ele foca exatamente no contrário. Se eu tenho uma reunião e quero me sentir confiante, começo a ter pensamentos de dúvida, cenários adversos e aí tudo pode ir por água abaixo. E detalhe! Quanto mais eu insisto em focar na confiança, mais ele se rebela!


O foco aleatório... bem, é aleatório. É como você querer tirar uma selfie e só sair o Zezinho que estava passando atrás da foto. O pior é a incerteza, porque se o rebelde é do contra, o aleatório é totalmente imprevisível.


Para muitas vidas estes três tipos de foco podem funcionar a maior parte do tempo ou pelo menos não causar muitos problemas. Agora, meus amigos e amigas, se você é empresário ou profissional liberal, você vai ter que aprender a usar o foco manual!


O que isso quer dizer, Pedro? Quer dizer que você precisa buscar um grande entendimento, para não dizer domínio, a respeito do que sua mente precisa para fazer escolhas conscientes e orientadas.


O dia-a-dia do empresário e o profissional liberal, na minha experiência, é 99% definido pelas escolhas que ele ou ela faz. Quais ações priorizar, quais pensamentos alimentar, quais deixar ir, quais oportunidades acolher, quais deixar passar e assim vai.

O fato é que pela nossa ignorância sobre como nossa mente funciona, passamos muito tempo da nossa jornada brigando com ela e piorando a qualidade das nossas escolhas.


Eu sei bem como é isso. Meu pior horário do dia é às quatro da tarde, é um horário crítico. Porque? Porque se eu não estou focado naquele momento, rola um grande desespero. Aí eu percebo que o automático não funcionou e estou disperso. Quando tento me recuperar a rebeldia entra em cena e vira um Deus nos acuda! Fica tudo aleatório, um grande buraco ao estilo País das Maravilhas e que no final termina em Netflix ou chocolate.


E por muitos anos foi assim, acredite, eram dias terríveis para um autônomo. Até eu compreender que foco é um derivado da clareza. E que para produzir foco era necessário dar um passo atrás, respirar, e entender o que era mesmo que eu estava buscando fazer.


Existem muitas estratégias para isso. Todas elas passam pelo mesmo processo de três etapas:

  1. Dê um passo atrás: saia da situação e ganhe distância e perspectiva.

  2. Deixe tudo ir por um momento: desapegue do que era e abra espaço para o novo.

  3. Faça a pergunta: O que eu quero de tudo isso? Permaneça com a pergunta e observe.


Isso é tornar-se o responsável pelo o foco da nossa mente. É entender que não preciso brigar com ela e que focar no meu negócio ou projeto pode ser tão simples quanto é hoje tocar a tela de um celular.

Basta um leve toque, sutil, direcionado e gentil, para que o aparelho entenda o que é importante mostrar, dar destaque. Cada vez que focamos estamos fazendo uma escolha, a qual provavelmente teremos que refazê-la até alcançar nossos resultados e que eventualmente se tornará automática até que uma nova se mostre necessária.


Aí, volta ao passo 1!


Boa semana!

7 visualizações

CONTATO

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Conecte-se ao meu LinkedIn!

© 2019 by Pedro Gaspar. All rights reserved. Comunicoaching - CNPJ 21.034.083.0001/00 - Rua Correia de Lemos, 179 - São Paulo - SP